Novo Concurso do TJ RO 2021 – Vagas, Edital e Inscrição

Categorias: 2021 - Concursos 2021 - Concursos públicos - Rondônia

Seleção oferece 175 vagas. Inscrições podem ser feitas até o dia 28 de abril de 2021.



Foram iniciadas nesta segunda-feira, dia 12 de abril, as inscrições para o processo seletivo do TJ-RO (Tribunal de Justiça de Rondônia), contando com 175 vagas que serão preenchidas em caráter temporário nas áreas de apoio técnico (ensino médio), analista (ensino superior) e formação de cadastro reserva. Os iniciais podem chegar a R$ 5,7 mil e o término para as inscrições irão até o dia 28 do mesmo mês.

Sobre as vagas

Os candidatos que possuírem o ensino médio completo poderão concorrer a 150 postos para atuar como apoio na Central de Processos Eletrônicos, que oferta um inicial de R$ 3.185,00 e taxa de inscrição de R$ 25, enquanto os cargos para analista ocorrem nas seguintes distribuições com uma taxa de R$ 35:

– Analista de Desenvolvimento:

  • Ampla Concorrência: 12 vagas;
  • Candidatos Negros: 4 vagas;
  • PcD: 2 vagas:

Total: 18 vagas;



– Analista de Negócios:

  • Ampla Concorrência: 2 vagas;

Total: 2 vagas;

– Analista de Segurança de Informação:

  • Ampla Concorrência: 1 vaga;

Total: 1 vaga;

– Analista de Banco de Dados:

  • Ampla Concorrência: 1 vaga;

Total: 1 vaga;

– Analista de Redes:

  • Ampla Concorrência: 1 vaga;

Total: 1 vaga;

– Analista de Infraestrutura de Sistemas:

  • Ampla Concorrência: 1 vaga;

Total: 1 vaga;

– Analista de Monitoramento:

  • Ampla Concorrência: 1 vaga;

Total: 1 vaga;

– Analista de Infraestrutura Active Directory:

  • Formação de cadastro Reserva

As vagas para analista terão uma remuneração inicial de R$ 5,7 mil e, assim como as vagas para nível médio, contarão com auxílio-transporte de R$ 184. Todas as vagas terão duração máxima de 2 anos, podendo ser prorrogadas por igual período, conforme o art.4 da Lei n.4.910/2020.

Sobre a Avaliação

A avaliação dos candidatos se dará por meio da avaliação de títulos do mesmo. Durante o processo de cadastro de candidato, deveram ser enviados anexos dos comprovantes e diplomas de conclusão de curso para a vaga destinada. Vale ressaltar que só serão aceitos comprovantes ou declarações que contenham informações de colação de grau, data de conclusão e carga horária que tenham sidos feitos em papel timbrado pela instituição responsável pelo curso. A nota final será calculada com a soma das pontuações na avaliação de títulos e tempo de experiência profissional comprovada no cargo, onde serão desclassificados os candidatos que:

– Não comprovarem os requisitos mínimos;

– Não comparecerem à convocação para admissão dentro do prazo;

– Não apresentar os documentos exigidos para contratação;

– Declarar deficiência não comprovada;

– Não prestar informações verdadeiras durante o processo.

Em casos que necessitarem de desempate, terá prioridade o candidato que:

– Tiver idade igual ou superior a sessenta anos;

– Possuir maior tempo de experiência dentro do cargo;

– Possuir maior nível de escolaridade;

– Tiver exercido função de jurado;

– Caso o empate persista, será escolhido o candidato mais velho e, então, um sorteio.

Mais um concurso a caminho

Além do processo seletivo para o preenchimento temporário das vagas, o TJRO divulgou nesta quinta-feira, dia 8 de abril, um concurso público para a contratação efetiva de funcionários. O concurso já contou com a assinatura do contrato com a banca organizadora e a seleção será organizada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), por dispensa de licitação. Os interessados devem ficar de sobreaviso.

Para este caso, serão oferecidas 43 vagas, sendo 30 para o cargo de técnico judiciário e 13 analistas judiciários. O primeiro pede apenas ensino médio, enquanto para o segundo é necessário possuir ensino de nível superior. A remuneração inicial atualizada é de R$ 5.397,24 e para os analistas R$ 8.223,41.

As vagas de analistas serão distribuídas em diversas áreas, sendo para administrador, analista de sistemas, assistente social, biblioteconomista, economista, enfermeiro, engenheiro eletricista, estatístico, médico do trabalho, médico psiquiatra, oficial de justiça, pedagogo e psicólogo, sendo uma vaga para cada área.

Essas vagas serão para Porto Velho. Caso surjam necessidades nas demais comarcas, a lista de aprovados da classificação geral será utilizada.

As provas serão realizadas na capital do Estado de Rondônia e em outras cidades, e o candidato poderá realizar a prova em quaisquer destas cidades.

Richard Robert Guinther



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *