Previsão do Novo Concurso da ANM 2021

Categorias: 2021 - ANM - Concursos 2021 - Concursos previstos - Concursos públicos

Novo pedido para abertura de 598 vagas no órgão já foi enviado para o Ministério da Economia.



Os concursos públicos que estiveram encalhados no ano passado, 2020, por conta da crise de pandemia, agora começam a tramitar e ser abertos, depois de um ano, dado que o problema da Covid está sendo em grande parte contornado.

Assim, o próximo certame vai prover cargos na ANM, ou Agência Nacional de Mineração. A meta é publicar o documento de edital, no mais tardar, até o segundo semestre deste ano. Os gestores deste órgão já confirmaram publicamente que a nova solicitação de concurso foi encaminhada ao Ministério da Economia, e será aprovada. A meta está em preencher um total de 598 postos efetivos destinados aos diversos setores da instituição, tais como: na função de técnico; de analista e especialista. O valor inicial dos vencimentos está em 12.797 reais. Portanto, o passo seguinte será a concessão de aval por parte do órgão do Ministério da Economia, para que sejam iniciadas as ações de estruturação do itinerário do concurso, confecção do edital, a determinação e contratação da instituição que atuará como banca organizadora, tudo dentro do orçamento federal para 2022. Assim que estiver concretizada a autorização, o edital poderá ser publicado ainda neste ano de 2021. Mais atualizações, nesse sentido, serão publicadas em breve.

Distinção entre os cargos:

– O cargo de técnico terá solicitação de 190 postos, dos quais, 55 vagas destinadas à área de técnico administrativo e as demais 135 vagas na área de técnicos na atividade de mineração. O valor dos salários iniciais, respectivamente, está em 3.555 e 5.177 reais.

– O cargo de analista terá solicitação de 188 postos, todos destinados à área de analista administrativo, a qual possui remuneração inicial no valor de 8.479 reais.



– O cargo de especialista terá solicitação de 290 postos, cujo salário inicial está em 12.797 reais.

Para melhor orientar os futuros candidatos deste certame, segue um breve histórico do anterior processo seletivo promovido pela ANM:

O último certame da Agência Nacional de Mineração foi realizado, por incrível que pareça, no mês de janeiro deste mesmo ano de 2021, com meta de provimento de mais 40 postos temporários, destinados à função de técnico em segurança das barragens de minerações. Os participantes daquele evento precisaram apresentar certificado de graduação em nível superior em alguma das seguintes áreas: na área de geologia; área de engenharia geológica; em engenharia das minas; na área de engenharia civil; de engenharia ambiental ou na área de engenharia florestal, além de experiência registrada em carteira de trabalho de, no mínimo, cinco anos nesse segmento. Houve diferencial para os candidatos que, além destes requisitos, apresentaram certificado de mestrado ou de doutorado no ramo. O vencimento inicial anunciado foi de 8.300 reais, dentro de uma expediente de 35 horas por semana. Aquele concurso contou com a instituição Cebraspe como banca organizadora.

É importante informar antecipadamente o público de “concurseiros”, sobre os certames por vir, nesse período de pandemia em que muitos perderam suas rendas, de modo que possam ser motivados a entrar novamente no mercado de trabalho.

Sumarizando as informações essenciais:

Próximo certame para cargos no ANM, consistindo em nova solicitação para mais 598 postos, encaminhada ao órgão do Ministério da Economia; o edital tem meta de ser publicado ainda neste ano de 2021. Cargos a serem preenchidos: técnico, analista e especialista, dentro de áreas específicas; departamento: administrativo. Os demais detalhes como, banca organizadora; taxa e prazo de inscrição; itinerário de provas, conteúdo programático serão definidos mais adiante. Grau de escolaridade exigido: graduação em nível superior.

Paulo Henrique dos Santos



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *